O Estrangeiro: Cadernos Marginais de Filosofia, Literatura e Direitos Humanos, v. 2

Páginas

235

ISBN 

978-65-5917-614-4

DOI 

10.22350/9786559176144

O Estrangeiro: Cadernos Marginais de Filosofia, Literatura e Direitos Humanos, v. 2

Organizadores

Felipe Rodolfo de Carvalho
Cecília de Castro Algayer

Como Clarice Lispector, escritora extraordinária, esperamos ainda que Deus seja o pai, quando sabemos que um homem pode ser o pai de outro homem: e assim continuamos a morar na casa fraca. Esta coletânea busca abandoná-la, para que deixemos o teto confortável a que nos habituamos a ter sob nossas cabeças e tenhamos a liberdade de sair à rua, ao imprevisível, abertos ao que quer que se apresente como inusitado, surpreendente ou ferido. É, à sua maneira, uma forma de estender não apenas o braço, mas também o olhar atento, e permitir que sejamos vistos em retorno, sob a luz seca do sol. Tem-se aqui uma reunião de ensaios filosóficos, crônicas e contos, além de poemas, que convidam a tocar as mãos e a debruçar os olhos sobre tantos corpos e rostos tidos por estrangeiros neste mundo. Com esta coletânea, esperamos termos nos aproximado do espaço a que Clarice nomeia terreno, tão terrivelmente árido, com o perdão da aliteração e da invocação proposital feita ao chão sob os nossos pés, por onde não andamos sozinhos.

O Estrangeiro: Cadernos Marginais de Filosofia, Literatura e Direitos Humanos, v. 2