Fronteiras de interculturalidade na integração das pessoas migrantes: teoria e práticas de agenda intergovernamental e o direito ao acolhimento em Foz do Iguaçu/Brasil

Páginas

129

ISBN 

978-65-5917-596-3

DOI 

10.22350/9786559175963

Fronteiras de interculturalidade na integração das pessoas migrantes: teoria e práticas de agenda intergovernamental e o direito ao acolhimento em Foz do Iguaçu/Brasil

Edilma De Jesus Desidério

Apresenta-se, nesta obra, resultados de uma ampla pesquisa que se desenvolveu pela perspectiva da teoria e do método dialético, na compreensão sobre os fundamentos sociológicos das fronteiras de integração e suas muitas formas e práticas de domínio e controle, regulado pela política do integrar na produção do espaço da interculturalidade enquanto dialética própria dos processos migratórios. Retoma-se a construção conceitual sobre a fronteira na atividade migratória e reivindica-se, nesse atual estudo, uma vez mais o momento de existência do ser e sujeito migrante em sua busca pela liberdade que se manifesta na dinâmica da tríplice fronteira do Brasil, Argentina e Paraguai e nas múltiplas escalas estruturais da agenda intergovernamental da cidade de Foz do Iguaçu e do direito ao acolhimento das pessoas migrantes.

Fronteiras de interculturalidade na integração das pessoas migrantes: teoria e práticas de agenda intergovernamental e o direito ao acolhimento em Foz do Iguaçu/Brasil