Barreiras invisíveis e mobilidade urbana

Páginas

88

ISBN 

978-65-5917-582-6

DOI 

10.22350/9786559175826

Barreiras invisíveis e mobilidade urbana

Luísa Horn de Castro Silveira
Bibiana Valiente Umann Borda
Cristianne Maria Famer Rocha

Promover a mobilidade urbana saudável é um desafio nas grandes cidades. Nem sempre a população conta com uma estrutura que favoreça as condições de deslocamento, em especial em regiões marcadas por desigualdades socio-econômicas. Além dos fatores físico-estruturais, existem questões de ordem subjetiva que dificultam a mobilidade, restringem acessos e inibem a relação dos sujeitos com o espaço urbano. Essas questões subjetivas são chamadas, neste livro, de “barreiras invisíveis”. Nele, discutimos os modos pelos quais a mobilidade urbana, considerada saudável, é afetada por barreiras invisíveis em uma região de Porto Alegre, RS. Partimos das histórias e experiências contadas por moradores locais, propondo um diálogo com conceitos da filosofia pós-estruturalista, que orientam o olhar para as relações de poder engendradas na forma como as pessoas se deslocam pelo bairro e pela cidade como um todo. Dessa forma, foi possível dar corpo a alguns dos problemas subjetivos de mobilidade enfrentados e os meios encontrados para desviar desses obstáculos.

Barreiras invisíveis e mobilidade urbana