O realismo dos universais: uma discussão sobre atributos não instanciados

Páginas

124

ISBN 

978-65-5917-576-5

DOI 

10.22350/9786559175765

O realismo dos universais: uma discussão sobre atributos não instanciados

Rodrigo Alexandre de Figueiredo

Pense em duas rosas vermelhas exatamente do mesmo matiz. Elas parecem ter algo em comum. Alguns filósofos pensam que esse algo em comum é a propriedade de ser vermelha, ou a vermelhidão, e essa propriedade é universal – é uma mesma entidade compartilhada pelas duas rosas. Esses filósofos defendem uma teoria chamada “realismo dos universais”, e este livro pretende ser uma introdução opinada sobre essa teoria.

O realismo dos universais: uma discussão sobre atributos não instanciados