Um estudo sobre os saraus da periferia de São Paulo: espaços para “aprender na amizade e na liberdade”

Páginas

163

ISBN 

978-65-5917-461-4

DOI 

10.22350/9786559174614

Um estudo sobre os saraus da periferia de São Paulo: espaços para “aprender na amizade e na liberdade”

Aline Maria Macedo Chamone

Este livro buscou estabelecer relações possíveis entre a literatura e a formação, para isso, se debruçou em um estudo sobre os saraus da periferia de São Paulo. O tema da literatura marginal/periférica é trazido juntamente à noção da literatura como possibilidade de formação, ação social, sociabilidade e resistência. Autores como Candido e Larrosa auxiliaram na compreensão formativa da literatura e seu caráter humanizador. Martuccelli aparece como perspectiva teórica para o entendimento dos indivíduos latino-americanos, suas especificidades e relações com o movimento de literatura marginal/periférica. É apresentada uma discussão sobre a literatura marginal/periférica no cenário atual, bem como, um mapeamento dos saraus que acontecem na periferia da cidade. Foram realizadas entrevistas com escritores e escritoras desse movimento para entender suas trajetórias de formação por meio da literatura assim como o encontro com os saraus. Por fim, traz o sarau como um espaço formativo no qual é possível aprender na amizade e na liberdade.

Um estudo sobre os saraus da periferia de São Paulo: espaços para “aprender na amizade e na liberdade”