Conexão nanotecnológica: da bancada para a sala de aula

Páginas

148

ISBN 

978-65-5917-392-1

DOI 

10.22350/9786559173921

Conexão nanotecnológica: da bancada para a sala de aula

Organizadores

Cyntia Silva Ferreira
Samara Mayra Soares Alves dos Santos
Breno de Mello Silva

Atualmente, Nanociência e Nanotecnologia estão muito próximas a nós, pois vários produtos nanotecnológicos já estão sendo comercializados e existem várias pesquisas científicas nessas áreas do conhecimento. Por outro lado, elas são complexas, multidisciplinares e dinâmicas e ainda não são do domínio de todos os integrantes da sociedade. Cerca de meio século de pesquisas em Nanotecnologia gerou muitos produtos que estão disponíveis no mercado desde os anos 2000. Assim, temos desde escovas de dentes contendo nanopartículas de prata para evitar contaminações até nano-repelentes de chuva e óleo para vidros de automóveis. Na área ambiental, as nanopartículas são úteis em processos de biorremediação para adsorção de contaminantes presentes no solo e na água, sendo também apropriadas em processos de desinfecção do ar. Na área da saúde, nanotubos de carbono vêm sendo utilizados para promover regeneração óssea em situações de fraturas e até mesmo em casos de restauração dentária; nanopartículas de prata vêm sendo associadas a pomadas para combate a infecções e para potencializar o processo cicatrizante; nanopartículas poliméricas ou lipídicas são empregadas na entrega direcionada de fármacos no organismo de humanos e de animais. Ainda, diversos tipos de nanopartículas têm sido utilizados em testes de diagnóstico e na formulação de vacinas. Considerando esse cenário e que o conhecimento implica na percepção e interpretação das inovações tecnológicas, é muito importante conhecer os conceitos básicos desse tema e relacioná-los ao contexto socioambiental. Podemos orientar nossas ações de uma forma mais consciente quando compreendemos que as inovações precisam seguir padrões éticos e ecologicamente sustentáveis. Para isso, é importante informar a população sobre as pesquisas científicas que são constantemente desenvolvidas no Brasil e no mundo para que seja possível estabelecer debates sobre as potencialidades, e também sobre as limitações, da Nanotecnologia.

Conexão nanotecnológica: da bancada para a sala de aula