A Oralidade, processo do Séc. XXI

Renata C. Vieira Maia; Fernando Gonzaga Jayme; João Alberto de Almeida; Cirilo Augusto Fiuza Saldanha de Vargas; Pedro Augusto Silveira Freitas (Orgs.)

Neste cenário, A obra que vem a público ganha maior relevo pois prestigiar a oralidade é enaltecer o diálogo processual e a maior participação das partes no processo, democratizando-o. Ademais, resgata a epistemologia do processo identificando-o como diálogo qualificado pela observância as garantias constitucionais do processo. Outro aspecto a ser destacado nesta coletânea é a conexão geracional com as teorias clássicas fundantes do princípio da oralidade com imensurável impacto na processualística contemporânea. Essas teorías foram originariamente resgatadas e conectadas com os estudos atuais do principio da oralidade desenvolvidos por uma jovem e promissora geração de jusprocessualistas formados sob os valores do Estado Democrático de Direito.

Fernando Gonzaga Jayme

ISBN: 978-65-81512-87-3

Nº de pág.: 385

© 2020 por LUCAS MARGONI & WIX ENGINE.

Todos os livros publicados pela editora Fi

estão sob os direitos da Creative Commons 4.0