Fundamentos de uma Cidadania

Sul-Americana: ética, fraternidade, sustentabilidade e política jurídica

Sérgio Aquino

A composição desta obra teórica pretende descrever, por meio da Fenomenologia, a necessidade de outro paradigma ao Direito para corresponder às expectativas sociais, políticas, econômicas e jurídicas que surgem na Pós-Modernidade. O foco dessa pretensão está na reformulação proposta pela Cidadania Sul-Americana que aparece como integração humana a partir de três estratégias: a Ética, a Fraternidade e a Sustentabilidade. Os seus fundamentos evidenciam como a Cidadania nacional torna-se um elemento de exclusão e segregação e possibilita a reflexão sobre outro modo de convivência possível que surge por meio da UNASUL. O vínculo antropológico comum manifesta a busca pela Paz e Tolerância. O Outro deixa de ser inimigo. Convergem-se esforços para se constituir um Espaço Público comum no qual haja a proteção para todos os cidadãos sul-americanos pela preservação da Democracia e os Direitos Fundamentais. Busca-se uma vida harmônica, a unidade continental na sua diversidade cultural nesses períodos de incertezas mundiais as quais são características deste Século XXI.

 

ISBN: 978-85-5696-627-8

Nº de pág.: 395

© 2019 por LUCAS MARGONI & WIX ENGINE.

Todos os livros publicados pela editora Fi

estão sob os direitos da Creative Commons 4.0