Quilombos da Malhadinha: A Construção de uma Realidade Social

Francisco Patrício Esteves

Este livro é resultado do desejo de tratar, de uma perspectiva histórica e sociológica, a comunidade denominada Malhadinha, localizada no município de Brejinho de Nazaré, região central do Tocantins. A intenção foi desvendar de uma maneira densa a sua a organização socioeconômica e o processo histórico pelo qual ela foi reconhecida como comunidade remanescente de quilombos pelas políticas públicas do governo federal a partir de 2006. Malhadinha sofreu efeitos de três políticas públicas nos últimos vinte anos que afetaram a sua economia material e simbólica. Por isso, foi importante compreender como os membros dessa comunidade vêm reagindo e respondendo às intervenções do Estado em suas formas de organização tradicional. A reconstrução narrativa de sua organização socioeconômica – tanto no passado como no presente – baseando-se nas suas estratégias de reprodução econômica, social e cultural, serviu para demonstrar a singularidade desta comunidade – não obstante partilharem características comuns às populações rurais tradicionais – por tratar-se de um grupo cujas raízes remontam ao período do pós abolição. Com base nessa singularidade, Malhadinha, recentemente, pode ser reconhecida pelo poder público como segmento social específico, com uma identidade “étnico-política” e portadora plena de direitos assegurados na Constituição.

 

Francisco Patricio Esteves é Graduado em Economia pela FURG do Rio Grande (1998), Mestre em Economia pela Universidade Federal da Paraíba (2002), Doutor em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2012). É pesquisador nas áreas como Economia de Angola, História Económica, Desenvolvimento Económico e Políticas Públicas.

 

ISBN: 978-85-5696-584-9

Nº de pág.: 204

© 2019 por LUCAS MARGONI & WIX ENGINE.

Todos os livros publicados pela editora Fi

estão sob os direitos da Creative Commons 4.0