Entre o sonho e o consumo: as representações femininas na revista Claudia (1961 – 1985)

Maria Paula Costa

A história cultural procura trabalhar o papel dos diferentes grupos sociais, investigando os conflitos sociais, através da pluralidade de olhares sobre o passado, indicando que este pode ser desvendado a partir de múltiplas questões, o que amplia os limites da disciplina histórica. Assim a diversidade temática enriquece os estudos históricos com focos de análises e reflexões, proporcionando uma nova dimensão à importância do cotidiano das sociedades. Neste âmbito procuramos contribuir para o universo da história das mulheres e da imprensa feminina por meio de um importante periódico que circula atualmente no mercado editorial, a revista Claudia. Os periódicos têm sido objeto de reflexão da História como rico material para análise e compreensão das representações sociais e relações que se estabelecem entre os sujeitos, elucidando assim o entendimento dos universos que permeiam as culturas contemporâneas. Esta obra faz parte do projeto de doutorado que incide sobre a história da revista Claudia, publicada pela primeira vez em outubro de 1961, pela editora abril, tendo como público alvo as mulheres da classe média urbana que possuíam poder aquisitivo para comprar os produtos anunciados em suas páginas. Delimitamos o período entre 1961 a 1985, pois ao analisar tal fonte documental percebemos rupturas e continuidades que marcam momentos importantes da nossa história; evidentemente seu discurso acompanhou e ditou as transformações de cada período, sendo que hoje continua mantendo suas leitoras e influindo sobre elas. 

ISBN: 978-85-5696-469-4

Nº de pág.: 286

© 2019 por LUCAS MARGONI & WIX ENGINE.

Todos os livros publicados pela editora Fi

estão sob os direitos da Creative Commons 4.0