Consensos e dissensos: inquietações na sociedade hodierna

Marco Antônio Praxedes de Moraes Filho

O trabalho de um leitor inquieto não pode ficar restrito somente à atividade passiva e solitária, recebendo informações dos meios de comunicação, deve também se dedicar a realização ativa e comunitária, escrevendo seus pensamentos, mostrando seu ponto de vista e transmitindo suas opiniões, contribuindo para o desenvolvimento individual e coletivo das pessoas e para o progresso da sociedade nacional e internacional. O título do livro, “Consensos e Dissensos: Inquietações na Sociedade Hodierna”, reflete o compromisso em transmitir opiniões sobre os mais variados temas, utilizando como embasamento as experiências profissionais adquiridas aos longo dos últimos anos tanto na justiça alencarina, como advogado, servidor público municipal e estadual, quanto no ambiente acadêmico, como professor, coordenador e pesquisador, tentando despertar a atenção do leitor, convidando-o a refletir internamente, concordando ou discordando do posicionamento exposto. A missão do jurista enquanto agente social, sujeito capaz de influenciar opiniões através dos seus pensamentos, é observar com imparcialidade os conflitos existentes no ambiente coletivo, interpretando-os de acordo com a legislação vigente, jurisprudência dominante e doutrina abalizada, utilizando a sensatez, equilíbrio e prudência, visando a resolução dos conflitos, contribuindo para a construção de uma sociedade livre, justa e solidária.

 

Marco Antônio Praxedes de Moraes Filho

Nº de pág.: 195

ISBN: 978-65-5917-399-0

DOI: 10.22350/9786559173990