Sob a sombra do Centauro: a inter-relação dos mitos de Prometeu e Quíron simbolizados na Insuficiência Renal Crônica

Tatyani Quintanilha

Esta obra aborda um panorama geral sobre a Insuficiência Renal Crônica, sua anatomia, fisiologia e suas possibilidades terapêuticas. O caráter epidêmico da doença requer maior cuidado e, principalmente, ressignificação. O tratamento dialítico ou o transplante renal, conhecidos como Terapias Renais Substitutivas, são formas de dar continuidade à vida dos pacientes renais crônicos em estágio terminal, quando os rins não conseguem mais manter a homeostase do organismo. Diversas são as formas de se conviver com esta doença, tanto para os pacientes, quanto para aqueles que os cercam (família, amigos e equipe médica), porém, todas elas são marcadas por sofrimento, limitações e dependência. Na sociedade atual, baseada no individualismo, órgãos duplos, como os rins, dão abertura para ampliação simbólica múltipla. Este estudo recorre às concepções da Psicologia Analítica, de Carl Gustav Jung, relativas à busca da integração da sombra na personalidade, considerando algumas das imagens arquetípicas contidas nas narrativas míticas gregas de Prometeu e Quíron, correlacionadas à patologia em questão.

 

Nº de pág.: 54

ISBN: 978-65-5917-322-8

DOI: 10.22350/9786559173228