II Encontro Nacional PIBID-Filosofia:

memórias e reflexões

Ângela Zamora Cilento;
Marinê de Souza Pereira;
Patrícia Del Nero Velasco (Orgs.)

Em princípio, este trabalho de invenção foi sendo realizado pelos professores Brasil afora; estando nas escolas, era preciso materializar esta presença da filosofia, até então inexistente ou presente de forma precária. Tal trabalho foi muito marcado pela solidão dos professores, sem canais de interlocução com outros colegas na mesma condição. E o trabalho de invenção da filosofia na escola foi especialmente dificultado, pois, como se sabe, em muitas regiões do Brasil faltam professores licenciados em filosofia e professores de outras disciplinas acabam assumindo as aulas de filosofia. Ora, se já não é simples para o professor graduado em filosofia inventar este espaço na escola e na sala de aula, isso é ainda mais complicado para um professor com formação em outra área. É neste contexto que precisamos destacar a importância do aparecimento do PIBID-Filosofia. O Programa gerou a oportunidade de estudantes de filosofia em formação frequentar as escolas desde o início de seu processo formativo, se contaminando com a realidade escolar, tomando contato direto com os problemas e situações de sala de aula e sendo chamados a encontrar, em sua formação universitária, ferramentas e instrumentos de intervenção direta nesta realidade. Mas, por outro lado, significou a saída do professor de filosofia de seu estado de solidão, pois agora ele tinha na escola estagiários de filosofia e seus professores supervisores. Aquela invenção solitária que ele tinha que fazer para tornar a filosofia uma realidade na escola passou a ser uma invenção coletiva. Eram vários a pensar e a buscar soluções, a experimentar possibilidades, a construir coletivamente a presença da filosofia na escola. Não há dúvidas de que este impacto foi muito positivo. Pouco a pouco fomos vivenciando a constituição de grupos de produção de material didático, de experimentação de metodologias de ensino, de busca de novas referências e de possibilidades outras para o exercício da filosofia na escola.

Sílvio Gallo

ISBN: 978-85-5696-157-0

Nº de pág.: 292

© 2019 por LUCAS MARGONI & WIX ENGINE.

Todos os livros publicados pela editora Fi

estão sob os direitos da Creative Commons 4.0