Os retratos da educação do campo: entre lutas, conquistas e saberes

Moisaniel Oliveira Pinheiro (Org.)

O tema da Educação do Campo coloca em pauta o necessário debate teórico-político acerca das demandas dos povos, comunidades e grupos humanos alijados dos processos de desenvolvimento nacional brasileiro. O debate é complexo e multifacetado, haja vista que o meio rural não é monolítico e deve ser pensado como unidade da diversidade. Para além do processo de escolarização, a educação implementada nas escolas do campo almeja a emancipação individual e coletiva das pessoas, com base em um percurso formativo que consiga estabelecer diálogos qualificados e permanentes entre os múltiplos espaços da vida existencial dos sujeitos campesinos, dentre os quais a necessária interface com os movimentos sociais. Espero que as discussões apresentadas ao longo deste texto, motivem os leitores a refletirem sobre a construção de uma educação para fora dos limites do espaço urbano, onde as relações sociais e a relações econômicas possam fundar-se nos valores da vida e cultura camponesas. Motivem, também, uma reflexão sobre a importância do papel da sociedade civil organizada na luta e conquista de espaços na agenda da educação pública, de fato, oriunda dos anseios dos povos que constroem o campo.

Prof. Dr. José Bittencourt da Silva

Nº de pág.: 172

ISBN: 978-65-5917-107-1

DOI: 10.22350/9786559171071

ENCOMENDAR