Arte de capa: Lien Truong. Série: Heterotopias.

Relações Antropológico-Críticas na Arqueologia de Michel Foucault
 

Richer Fernando Borges de Souza

O objetivo deste livro é o de traçar o percurso arqueológico foucaultiano a partir da sua tese complementar intitulada Gênese e Estrutura da Antropologia de Kant até a publicação de As palavras e as coisas: uma arqueologia das ciências humanas. Nosso fio condutor será o da tentativa de compreender a maneira na qual Foucault problematizou as relações antropológico-críticas, ao longo dessas duas obras, a fim de sugerir que a sua tese acerca da iminente da morte do homem em nossa cultura poderia ser entendida como um diagnóstico do nosso próprio tempo.

ISBN: 978-85-5696-104-4

Nº de pág.: 238

© 2019 por LUCAS MARGONI & WIX ENGINE.

Todos os livros publicados pela editora Fi

estão sob os direitos da Creative Commons 4.0