Capa: Josiane Guglielmi de Souza

A teoria hegeliana do silogismo: tradução e comentário
 

Federico Orsini

O motivo que rege e organiza a teoria hegeliana do silogismo é a fundamentação dialético-especulativa da silogística tradicional, onde os termos “dialético” e “especulativo” significam aspectos distintos e, ao mesmo tempo, conectados do empreendimento científico em questão: “dialético” diz respeito ao método de derivação das figuras mais concretas do silogismo a partir das insuficiências internas das figuras mais abstratas; “especulativo” é o termo que expressa a própria finalidade desse movimento progressivo, a saber, a prova da espantosa tese de que “todas as coisas são o silogismo” . Seja qual for a avaliação que se queira dar da referida ambição, ela só pode se basear na prévia compreensão de uma das partes mais secas e ásperas da Ciência da Lógica, onde a aparente artificialidade dos esquemas e a dificuldade da exposição poderiam estimular um juízo apressado sobre o fracasso da tentativa hegeliana de apropriar-se produtivamente da silogística aristotélica, estoica e escolástica. O intento do presente livro é precisamente o de contribuir para a compreensão das motivações teóricas que impulsionaram o esforço hegeliano de justificar a tese de que “todas as coisas são o silogismo”. Para este fim, o livro que você está prestes a ler apresenta uma estrutura bipartida: na primeira parte, oferece-se ao público a primeira tradução para o português de todo o capítulo da Lógica Subjetiva sobre o silogismo; a segunda parte é constituída por um comentário integral, que acompanha e explica, parágrafo por parágrafo, o texto hegeliano, procurando tornar explícitos os ‘argumentos’ e as referências histórico-filosóficas que formam o subtexto do tratamento puramente teórico ou racional do silogismo.

 

Federico Orsini obteve o doutorado em filosofia na Universidade de Padova (Itália) em 2014. A partir de 2015, ele é bolsista PNPD/CAPES na PUCRS, onde ele também atua como membro de uma equipe internacional que está trabalhando na primeira tradução completa da Ciência da Lógica de Hegel do alemão para o português. Suas áreas de pesquisa incluem o idealismo alemão, a história da metafísica, teoria do conhecimento e filosofia prática. Sua área de especialização é o estudo da reconstrução do conceito de ontologia dentro dos projetos sistemáticos da filosofia clássica alemã. Ele já publicou alguns artigos sobre seu campo de pesquisa, com vistas à publicação de sua tese de doutorado, referente ao problema do método de desconstrução da ontologia na Ciência da Lógica. 

ISBN: 978-85-5696-059-7

Nº de pág.: 264

© 2019 por LUCAS MARGONI & WIX ENGINE.

Todos os livros publicados pela editora Fi

estão sob os direitos da Creative Commons 4.0