Do registro à criação: possibilidades do uso do celular no ensino-aprendizagem em Artes da Cena

Meiriluce Portela Teles Carvalho

O objetivo geral é investigar as contribuições do uso do celular para o processo de registro e criação no ensino-aprendizagem em Artes da Cena, havendo a participação direta dos alunos. Para tanto, o local da pesquisa é o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA) – Campus São José de Ribamar, onde se desenvolveu o trabalho com 79 discentes do Ensino Médio-Técnico, na modalidade integrada, no período de 2018 a 2019. O problema científico da pesquisa consiste em verificar de quais formas o celular pode contribuir para o processo de registro e criação artísticos no ensino-aprendizagem em Artes da Cena. Para tanto, compreendendo-se a relevância das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), faz-se uso do celular enquanto ferramenta e objeto de registro das práticas teatrais, da avaliação feita pelo professor e da autoavaliação empreendida pelos educandos. Desse modo, permite-se experienciar o ato de criação, em Teatro, por meio da performance fotográfica, da videoperformance e do fotofilme, além de fomentar aulas mais participativas, críticas e reflexivas. O percurso metodológico adotado diz respeito à pesquisa-ação, com abordagem quali-quantitativa e caráter exploratório-descritivo. Para a coleta de dados, cita-se o caráter documental dos materiais envolvidos, como levantamentos bibliográficos, questionários semiestruturados, depoimentos  sobre experiências – por meio da teorização da prática de exercícios cênicos –, assim como elaboração de roteiros, montagens de cenas, jogos, improvisações e leituras de textos cênicos, além da observação e da avaliação de todo processo artístico, com a utilização de vídeos e fotografias para registro e criação de práticas cênicas de forma crítico-reflexiva. A partir disso, faz-se a análise e a interpretação dos dados, envolvendo a sistematização das informações, por meio de gráficos e fotografias. Nessa perspectiva, propõe-se o uso de estratégias de aprendizagem, em Artes da Cena, com base em um mundo tecnológico e informatizado, através do qual se aprofundam as possibilidades de criação e de mediação e se promovem experiências junto aos discentes que contribuam para o seu desenvolvimento criativo e proativo nas aulas de Arte/Teatro.

Nº de pág.: 111

ISBN: 978-65-5917-043-2

DOI: 10.22350/9786559170432

ENCOMENDAR

© 2020 por LUCAS MARGONI & WIX ENGINE.

Todos os livros publicados pela editora Fi

estão sob os direitos da Creative Commons 4.0